23 maio 2013





Esse silêncio não poderia estar fazendo mais barulho que agora...
Tantas coisas passam pela cabeça. Dúvidas, angustias, medos, vontade de tomar um postura. Junto minhas forças e fujo dos espelhos. Não quero ninguém me lembrando que preciso ser coerente e manter a mente no lugar . Quero enlouquecer, desequilibrar.
Me jogo numa multidão de confusão e não quero pensar em nada além do que eu vim fazer aqui. O que estou fazendo aqui? Por que? Só me resta continuar perdida e convencida de que em algum momento alguém virá me salvar. Será?

Nenhum comentário: