12 novembro 2010



Jingles Bells.

Esse ano Papai Noel decidiu entregar vários presentes antecipados. Como boa menina que sou, agradeci, desembrulhei todos e procuro cuidar deles com muito carinho.
Na verdade o bom velinho vem entregando os pacotes desde o final do ano passado. Tá pensando o que? Trabalho pesado... Pobrezinho.

Luzana
Amiga, você veio embrulhada num pacote que tem tudo haver com seu nome: LUZ.
Veio pra trazer um colorido especial, lealdade, força, amizade e acima de tudo, me proporcionou a alegria, que naquele tempo, me faltava.
Foi meu porto seguro, minha irmã, minha máster.
Foi você quem me estendeu a mão e me convidou a andarmos juntas, quando tudo parecia sem direção.
Estou tão feliz por você! Quero muito que toda essa felicidade duplique de tamanho, pois você merece dar e receber muitos sorrisos nessa vida.  Quero que seus sonhos se tornem reais e que você seja sempre presente em minha vida.
Sinto saudades e não vejo a hora de te ter como vizinha novamente, afinal tenho que curtir minha amiga antes dela se tornar a senhora Petrillo. =P
Amo você, máster!

Layla
Com esse presente eu não contava.
Prima, sabe aqueles embrulhos surpresas, que quando você abre sai um palhaçinho de dentro?? Pois bem, foi assim mesmo! Só que no caso era uma palhaçinha... e era você!!! =D
Foram exatamente 24 anos de puro desconhecimento. Eu não conhecia você e vice-versa. Ai alguém lá em cima, cansado de nossas palhaçadas, resolveu colocar uma no caminho da outra. Mas, dessa vez ao invés de nos esbarrarmos no meio da estrada e tomarmos caminhos distintos, decidimos seguir juntas, de mãos dadas e foi à decisão mais sábia.
Esses últimos meses foram tão especiais, que eu nem consigo sentir falta dos anos que passaram. Sabe por quê? Eu sei que temos muitos anos juntas e que dessa vez é eterno!
Minha abelhinha, minha prima linda, minha amiga, minha irmã.
Amo você!

Vinicius
Presente reciclado. Estava perdido em algum lugar no passado, quando resolveu sair do fundo da caixa e se fazer, literalmente, presente.
Vini, acho que nada é por acaso nessa vida (bem clichê, mas verdadeiro). Obrigada por ter estado do meu lado nos momentos que eu sempre precisei. Obrigada por escutar, aconselhar e falar, falar, falar!!!  =D
Obrigada pelas risadas, pelos causos contados detalhadamente, por confiar em mim, por ser esse amigo disponível, fiel e presente.
Te amo com amor de irmã!


Paulo César
Você veio num pacote grandão, pesado e cheio de outros presentinhos dentro. Eu fui descobrindo a mágica e a felicidade que é ter você em minha vida, cada vez que eu abria um pacotinho.
Primeiro o cara atencioso, trabalhador, família e amigo. Depois o menino brincalhão, hiperativo e simpático. Por último o homem carinhoso, romântico, companheiro, especial... O meu amor.
O embrulho era pesado, porque dentro dele vinha muita coisa que precisava ser entregue para mim. Você trouxe sensações, emoções e sentimentos que eu ainda não havia vivido. Mostrou-me o significado do companheirismo, da felicidade e do amor. Entregou-me a paz, a alegria e o sorriso e me ensinou como usá-los.
O embrulho podia ser grande, mas a embalagem era simples e sem frescuras como você! Especial e autêntico, real e exclusivo!
Te amo muito, plíncipe!!!

Ariane
Esse me deu um trabalho pra desembrulhar. Ô presentinho tinhoso... Fora que era o mais brilhoso e chamativo do amontoado.
Foi engraçado como tudo começou, pois começou de um jeito bem torto e que não prometia uma grande amizade.
Lá estava você e lá estava eu. Um “oi” e “tchau” de cada lado e pronto. Finito!
Aí, as renas do Papai Noel, decidiram deixar as coisas bem claras pra gente. Em uma festa regada a tequila e muita besteira junto, a gente decidiu ser amigas! =P
Tantas afinidades, quantas brincadeiras e histórias pra contar em tão pouco tempo. Confidências, segredos, lágrimas compartilhadas...
Aprendi a respeitar e confiar em você.
Amo oxê, ciumentazinha!

Fernanda
Você estava dentro de uma caixinha pequenininha e discreta. Um laço simples e delicado, mas era o mais bem embrulhado... Cheio de detalhes minuciosos.
Você é daquelas amigas que quando a vida nos dá de presente, devemos cuidar e preservar, porque você tem todas as qualidades e defeitos que uma amiga de verdade deveria ter.
A sinceridade, o companheirismo, a dedicação são coisas que você possui de sobra. É uma das pessoas mais íntegras, verdadeiras e leais que eu já conheci na vida.
Não poupa elogios, mas também não poupa puxões de orelha. Não economiza no ombro amigo, mas também não modera palavras na hora de abrir meus olhos.
Senhor Noel acertou em cheio no presente!
Obrigada por ser essa amiga tão especial.
Amo você, tchuquinha.


É... não posso reclamar, o meu Natal durou o ano  todo!

Um comentário:

Lay Pires disse...

Acho incrivel como nós enxergamos da mesma forma essa nossa aproximação tardia,porém intensa.

Eu não imagino mais meus dias sem você,sim estamos longe mas fazemos parte uma o dia da outra.É Amor,compreenção,carinho e conselhos sem fim!

Te amo Abelha Rainha <3